Apresentação do livro na comunidade Xokó

1 594

No último dia 20 de março, a equipe da saúde fez a comemoração do Dia da Mulher, contaram com o apoio da Escola Estadual dom José Brandão de Castro, com o Cras, representante da Caixa Econômica,   e também com Genilda Leão, chefe da Sesai de Maceio-Al e demais convidados pela direção.
Fomos convidadas para apresentar o livro Pelas Mulheres Indígenas e foi um sucesso!
Todas que estavam  presentes receberam o livro e ficaram muito feliz pelo projeto está tão lindo…
Foi muito gratificante para nós que participamos do projeto  poder transmitir a cada mulher que ali estava o  valor que cada uma tem, o direito delas e as leis que as  defendem.
Explicamos também a cartilha que mostra os tipos de agressões que uma mulher pode sofrer, sendo elas agressão física,  psicológica,  sexual, dentre outras… Falei um pouco também sobre a história de Ciaura, o quanto ela sofreu e hoje pode passar para outras mulheres que sofrem agressão a sua superação.
Foi tudo muito lindo!

wpid-20150320_100132.jpg

wpid-20150320_100518.jpg

wpid-20150320_102654.jpg

Meu nome é Edriane, sou Xokó, moro no município de Porto da Folha. Sou casada, tenho dois filhos, sou secretária da associação de mulheres indígenas Xokó há 07 anos. Trabalhei na mobilização social pela FETASE (Federação dos trabalhadores do Sergipe). Sou formada em história e agora estou como agente das mulheres do projeto da Thydêwá. Eu Sou Pelas Mulheres Indígenas.

1 comentário

  1. Muito bom
    O planeta precida de uniao
    E os homens tem que aprender nao so a respeitar mas valorizar as mulheres e dai a uniao em paz e amor beneficiando a vida e a todos

Partilhe uma mensagem