PRIMEIRA REUNIÃO DO GRUPO PELAS MULHERES INDÍGENAS

0
758

Por Katerine e Jany Pankararu

Relato de 1o Encontro Foto 7

PRIMEIRA REUNIÃO DO GRUPO PELAS MULHERES INDÍGENAS

NO QUAL TIVEMOS A PRESENÇA DE 15 MULHERES

ABERTURA: ABRIMOS COM A LEITURA DA PÁGINA 14 DO LIVRO MULHERES INDÍGENAS.

BOA TARDE A TODAS, AGORA VOU LER UM LIVRO MULHERES INDÍGENAS ACREDITO QUE SEJA UMA PEÇA FUNDAMENTAL EM TUDO QUE IREMOS FALAR QUANDO SE TRATA DE MULHERES E SEUS DIREITOS.

FALANDO SOBRE O PROJETO…

GOSTARÍAMOS DE SABER O QUE ESTÃO ACHANDO DESSE PROJETO ATÉ POR QUE É O PRIMEIRO PROJETO DE MULHERES QUE CONSEGUIMOS TRAZER ATÉ A NOSSA ALDEIA.

UMA DAS MULHERES PERGUNTA: QUAL O TIPO DE DIREITO DAS MULHERES QUE O GRUPO REPRESENTA?

 Jany Pankararú responde que estamos aqui para falar de todos os assuntos que se refere a mulher, e cita exemplos; que aqui na aldeia não tem uma cacica mulher, que ao se casar muitas vezes a mulher perde muito a sua liberdade e passando assim a ser vunerável ao homem.

falamos também da SORORIDADE… EXPLICANDO TAMBÉM O SEU SIGNIFICADO

falasse um pouco da lei Maria da Penha… 

violência, medidas e providências, ou seja os benefícios que a lei trouxe a mulher.

como se preve a prisão do agressor em três Hipóteses: em flagrante, preventivamente e por condenação transitada em jugado.

explica sobre o que pode acontecer dentro da lei o que se pode estar fazendo, explica também as várias diferenças de agressões com a mulher. 

leu-se um texto sobre a sororidade…

ler-se; um pouco da cartilha da mulher onde fala um pouco do porque A cada 15 segundos a mulher é agredida no Brasil…

em seguida explica um pouco sobre o texto que acabam de ler.

depois desse texto uma mulher resolve falar um pouco sobre sua vida, mas afirma também que conseguiu dar a volta por cima…

uma MULHER diz que devemos ter combinação em casa e não usar a agressão.

explicamos o porque que muitas das mulheres não denunciam os seus agressores: por vergonha, humilhada ou mesmo culpada pela violência.

teme pela sua segurança pessoal ou a dos seus filhos.

sente que não tem o controle sobre o que acontece na sua vida

espera que o agressor mude de comportamento

creem que suas lesões e problemas não são importantes

quer proteger seu companheiro,etc…

Falamos da violência físicas e psicológicas e suas diferenças…

PERGUNTAMOS: 

O QUE É SER MULHER???

Resposta NA OPINIÃO DAS MULHERES: ser mulher tem que ser decidida,ser uma boa dona de casa, uma boa mãe, uma boa amiga, trabalhadora, não esperar apenas por homem, mas sim fazer as coisas por si mesma ou seja ser independente apesar de tudo…diz também que a mulher precisa apenas de coragem de ser mulher.

* PAUSA PARA O LANCHE…

RETORNAMOS COM A ENTREGA DE LEMBRANCINHAS QUE ELABORAMOS PARA AS MULHERES…

terminamos a nossa reunião com o texto do que é ser mulher…

MULHER

Ser mulher… 

É viver mil vezes em apenas uma vida.

É lutar por causas perdidas e

sempre sair vencedora.

É estar antes do ontem e depois do amanhã.

É desconhecer a palavra recompensa

apesar dos seus atos. 

Ser mulher… 

É caminhar na dúvida cheia de certezas.

É correr atrás das nuvens num dia de sol.

É alcançar o sol num dia de chuva. 

Ser mulher… 

É chorar de alegria e muitas vezes

sorrir com tristeza.

É acreditar quando ninguém mais acredita.

É cancelar sonhos em prol de terceiros.

É esperar quando ninguém mais espera.

Ser mulher…

É identificar um sorriso triste e uma lágrima falsa.

É ser enganada, e sempre dar mais uma chance.

É cair no fundo do poço, e emergir sem ajuda.

Ser mulher…

É estar em mil lugares de uma só vez.

É fazer mil papeis ao mesmo tempo.

É ser forte e fingir que é frágil… 

Pra ter um carinho.

Ser mulher…

É se perder em palavras e 

depois perceber que se encontrou nelas.

É distribuir emoções

que nem sempre são captadas.

Ser mulher…

É comprar, emprestar, alugar,

vender sentimentos, mas jamais dever. 

É construir castelos na areia,

vê-los desmoronados pelas águas.

E ainda assim amá-los.

Ser mulher…

É saber dar o perdão…

É tentar recuperar o irrecuperável.

É entender o que ninguém mais conseguiu desvendar.

Ser mulher…

É estender a mão a quem ainda não pediu.

É doar o que ainda não foi solicitado.

Ser mulher…

É não ter vergonha de chorar por amor.

É saber a hora certa do fim.

É esperar sempre por um recomeço.

Ser mulher…

É ter a arrogância de viver

apesar dos dissabores,

das desilusões, das traições e

das decepções.

Ser mulher…

É ser mãe dos seus filhos…

Dos filhos de outros.

É amá-los igualmente.

Ser mulher…

É ter confiança no amanhã e

aceitação pelo ontem.

É desbravar caminhos difíceis

em instantes inoportunos.

E fincar a bandeira da conquista.

Ser mulher…

É entender as fases da lua

por ter suas próprias fases.

AO TERMINO DO TEXTO CITAMOS IDEIAS PARA OS PRÓXIMOS ENCONTROS QUE TEREMOS E APROVEITAMOS PARA DEBATER UM POUCO SOBRE TUDO QUE FALAMOS SUAS OPINIÕES, E ASSIM TOMAMOS SORVETES FEITO POR UMA DAS MULHERES PARTICIPANTES…

 AGRADECIMENTOS…

AGRADECEMOS A TODAS AS MULHERES QUE PARTICIPARAM DA NOSSA PRIMEIRA REUNIÃO POIS FOI MUITO PRODUTIVA, COM AS TROCAS DE EXPERIÊNCIAS. 

SAIBAM QUE NÃO ESTAMOS AQUI APENAS PARA REPRESENTAR O PROJETO MAS SIM ESTAMOS COM A INTENÇÃO DE NÓS MULHERES NOS UNIRMOS, FICANDO ASSIM MAS FORTES A CADA DIA ENTÃO QUE APARTI DE HOJE VOCÊS NÃO NOS VEJAM APENAS COMO REPRESENTANTES DO PROJETO PELAS MULHERES MAS TAMBÉM, COMO SUAS AMIGAS E PARENTES INDÍGENAS E QUE PODEM ESTAR CONTANDO CONOSCO SEMPRE QUE PRECISAR, ESTAREMOS AQUI PARA QUALQUER CIRCUNSTÂNCIAS.

PENSAMENTO DO DIA:

*Nós somos mulheres e decidimos viver de escolhas, não de chances, optamos por ser motivadas e não manipuladas, ser útil e não usadas, nos sobressairmos, não competirmos. Escolhemos o amor próprio e não autopiedade. Nós escolhemos ouvir nossas próprias vozes, não a opinião dos outros. Descobrimos que ser mulher é ser livre, é ser líder, senhora dos nossos próprios destinos.

*Somos inteligentes,

somos carinhosas,

somos batalhadoras, 

somos delicadas,

lindas e sensíveis…

somos românticas,

sensuais e sinceras…

Somos Mulheres, somos Guerreiras!

 

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here